Quinta-feira, 24 de Dezembro de 2009

Festas por todo lado

 

 

Nesta altura do ano, quer-se agradar a todos os mais queridos e presenteá-los com bonitas e caras prendas.

 

Sob o divino auspício do todo-poderoso Pai Natal, queremos comprar este mundo e o outro para poder chegar ao coração dos nossos familiares, colegas de trabalho e amigos. Sabemos quem nos vai dar presentes e obrigamo-nos a retribuir, de preferência com um presente de igual valor, para não parecer mal e para não ficar mal visto. Damos, pelo acto e facto de “ter de ser” sob pena de irmos para o inferno do pós vida e para o inferno da vida actual, que não é mais que a tal lista dos “desgraçados que não me deram nada pelo Natal”, ou aquela lista dos que “eu dei-lhe um presente tão bonito, e não recebi nada em troca…”.

 

O Natal é mais do que isso. É tempo de lembrar os mais queridos. É tempo de querer estar com essas pessoas. É tempo da palavra saudade e de amor. É altura de estarmos bem, sentirmos quente, comer e beber, contar histórias antigas, rir e cantar. Esse é espírito do Natal.

 

Natal é quando o Homem quer? Sim, mas mais do que isso, Natal é o que o Homem quiser. E isso significa que podemos fazer do nosso Natal um dia de compras, consumismo e materialização do capitalismo, ou, independentemente dessa premissa, podemos adicionar-lhe o nosso amor pelo próximo e transformá-lo num dia de alegria. Assim, dando amor, e sendo esse o nosso principal presente, podemos fazer dos Natais de todos os lares de todo o mundo, um centro de troca de energias positivas e de crescimento espiritual, intelectual, emocional e psíquico.

 

Troque uma história bonita com o seu pai, mãe, irmão, amigo ou quem quer que esteja consigo neste Natal. Dê ao próximo um sorriso e espere o mesmo de volta. Faça rir quem está à sua volta – é fácil – lembre-se de como era quando era criança… infantil? Sim, mas tão bom… Dê um beijo a quem ama. Assim, simplesmente – um beijo. Verá que outros olhos estarão à sua frente. Adicione um abraço quente e sincero. Embrulhe tudo com um carinho e palavras de amor ridículas… Um sucesso!

 

As prendas deviam ser assim. Mas, à falta de melhor, ofereça umas peúgas… fica sempre bem e é muito económico.

 

Beijos e abraços e desejos de um bom Natal.

Mário L. Soares

 

publicado por Lagash às 16:14
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Segunda-feira, 7 de Dezembro de 2009

E a caravana abana…

 

 

De vila à cidade,

engolimos alegres quilómetros

e pautamos uma viagem

por escritas e visitas, que

iremos de Sul a Norte,

no desenlaço da regra

e fronteira invisível,

desconhecido lado e lugar

na troca gira de volante,

veloz, um beijo e queijo

com mimos de vinho,

seremos a aventura ardente,

palpitantes do inseguro,

na desvenda parcial

de pessoas e luares.

 

Tu, meu homem suado

em arrepio prazerento,

o descanso soletrado

no brilho do sol igual,

da costa azurada,

esfomeados encantados,

eu, a mulher em ti só,

irei a praça das aldeias

de sorrisos alegrettos,

faremos salada de tomate

com orégões e amor,

assobios de chocolate

com rum e línguas

enroladas de conversas.

 

 

Em silêncio natura-magnífico,

sopramos as cortinas

de cores e símbolos,

com maternal costura,

ora, abertas, ora, fechadas,

no momento digamos

assim, toliçamos,

penetramos e cantamos

do roteiro a seguir,

na caravana que abana,

de suave em louco

riso sobre rodas,

pesadas em cúmplice,

do mais puro destino

desta bela viagem,

em vai-vem perpétuo.

 

 

Brinda Priem

in http://made-in-belgium.blogspot.com/

 

publicado por Lagash às 16:15
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 21 de Julho de 2009

Oportunidade perdida

 

 

Confusões, repreensões, submissões

e outras coisas acabadas em “ões”,

com as quais estou sinceramente

a ficar farto e completamente!

 

Então quer dizer que é assim?

Pois então que seja, está bom para mim! …

Não quero que a minha vontade se faça,

pois por mim o tal orgulho passa.

 

Acho que se perdeu uma oportunidade,

de nos termos aos dois, como um,

com amor, carinho e a verdade.

 

Perdemos os dois, e o futuro por bem…

ganhámos no fim, pela liberdade.

E cá por dentro, no fundo, aprendemos também.

 

Mário L. Soares

 

publicado por Lagash às 16:12
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 28 de Maio de 2009

English breakfast

 

 

Que satisfação me darias um ovo estrelado fazer…

Com uma torrada a acompanhar,

um sumo de laranja num copo transparente,

e depois um beijo de bom dia…

Sei lá eu o que faria,

se tivesse tal e fosse assim realmente,

e pudesse dar-te o meu amar,

e que te tivesse com o teu querer.

 

Não seria almoço com certeza,

nem sequer um bom jantar,

comeríamos salsichas e fritas,

feijão e o que apetecesse comer…

Um abraço pelo meio,

e mais um “pára, que me excitas”…

Era carinho que te queria dar…

Um pequeno almoço à inglesa…

 

Mário L. Soares

 

publicado por Lagash às 16:10
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 10 de Março de 2009

Mais um beijinho

 

(desconheço o autor da foto) 

 

Meu amor de pequenino,

vens de mansinho,

dizes olá devagarinho,

pedes-me um beijinho.

 

Solto com carinho,

encosto os lábios levezinho,

com a mão no queixinho

do meu belo amorzinho.

 

Fecho apenas um olhinho

com amor molhadinho,

quente no meu colinho,

dou-te mais este beijinho.

 

Mário L. Soares

 

publicado por Lagash às 16:18
link do post | comentar | favorito
|

Declaração

Declaro que a responsabilidade de todos os textos / poesia / prosa publicados é minha no respeitante à transcrição dos mesmos. Faço todos os possíveis para contactar o(s) autor(es) dos trabalhos a fim de autorizarem a publicação, na impossibilidade de o fazer, caso assim o entenda o autor ou representante legal deverá contactar-me a fim de que o mesmo seja retirado - o que será feito assim que receba a informação. Os trabalhos assinados "Mário L. Soares" são de minha autoria e estão protegidos com a lei dos direitos de autor vigente. Quanto às fotografias, todas, cujo autor não esteja identificado, são de "autor desconhecido" - caso surja o respectivo autor de alguma, queira por favor contactar-me para proceder à sua identificação e se for caso disso retirada do blog. Às restantes fotografias aplicarei o mesmo princípio dos trabalhos escritos. Obrigado. Mário L. Soares - lagash.blog@sapo.pt

mais sobre mim

procurar em Lagash

 

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Festas por todo lado

E a caravana abana…

Oportunidade perdida

English breakfast

Mais um beijinho

arquivos

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

tags

todas as tags

links

Prémios

Users Online
free counters
blogs SAPO

subscrever feeds