Sexta-feira, 1 de Fevereiro de 2008

Sentidos de sentimentos sem sentido

 

Nas tuas mãos eu sinto

suaves encantos de seda

quentes lembranças de carinho

toques formais de cumprimento

 

No paladar imagino

salgados docinhos apimentados

laivos de Pavlov endiabrados

gula em sensação colorida

 

No teu cheiro encontro

aromas de paisagens de Gogh e Gauguin

cheiros de manhãs frias

essências de pele e saliva

 

Nas tuas palavras eu vejo

melodias divinas de fazer chorar

sinfonias pujantes de sábios mestres

verdade e calma que me extasia

 

No teu corpo observo

curvas perfeitas de cores saborosas

poéticos gestos de delicado ornamento

energia viva e audaz movimento

 

Nos teu ser reflicto

horas de nostálgica paz

pensamentos de vidas futuras

ideias de descobertas

inteligentes artículos em enigmas

augúrios em invulgar sapiência

eruditas locuções de saber feito

força espinal determinada

anuência devida na altura certa

desacordo sem falsidade

sorrisos de inocentes crianças

expressões de tanta idade

infinitos sinónimos de personalidade

confiança em si e no humano

paixão de cabana abastada

 

amor o meu, não sei se vejo

amor o meu, nunca ouvi

amor o meu, não o palpo

amor o meu, nem o libo

amor o meu, não o sinto

Mário L. Soares (Janeiro de 2008)

publicado por Lagash às 13:07
link do post | comentar | favorito
|

Declaração

Declaro que a responsabilidade de todos os textos / poesia / prosa publicados é minha no respeitante à transcrição dos mesmos. Faço todos os possíveis para contactar o(s) autor(es) dos trabalhos a fim de autorizarem a publicação, na impossibilidade de o fazer, caso assim o entenda o autor ou representante legal deverá contactar-me a fim de que o mesmo seja retirado - o que será feito assim que receba a informação. Os trabalhos assinados "Mário L. Soares" são de minha autoria e estão protegidos com a lei dos direitos de autor vigente. Quanto às fotografias, todas, cujo autor não esteja identificado, são de "autor desconhecido" - caso surja o respectivo autor de alguma, queira por favor contactar-me para proceder à sua identificação e se for caso disso retirada do blog. Às restantes fotografias aplicarei o mesmo princípio dos trabalhos escritos. Obrigado. Mário L. Soares - lagash.blog@sapo.pt

mais sobre mim

procurar em Lagash

 

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Pausa

Hora Nostálgica #33 - Eve...

Acordar

Amor, pois que é palavra ...

Sol

Perdoa-me

Hora Nostálgica #32 - Boh...

Morte

Futuro

Bebido o luar

A meu favor

Viverei

Hora Nostálgica # 31 - Dr...

Reveses

Momentos etéreos em conte...

arquivos

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

tags

todas as tags

links

Prémios

Users Online
free counters
blogs SAPO

subscrever feeds