Domingo, 29 de Novembro de 2009

Quem disse que não temos talentos? #26 Meu bem

 

 

Quando te vi no Domingo

Parecias estrangeira

Estavas de casaco comprido

E botas a dar com a carteira

 

Do teu cabelo escuro

Soltou-se uma colónia

Que me encharcou os sonhos

E me mergulhou na insónia

 

E se eu…

Quisesse fugir

Já não…

Tinha para onde ir

Meu bem…

Isto não vai acabar bem,

Meu bem, meu bem, meu bem,

Isto não vai acabar…

 

Os teus olhos chicoteiam

A minha cabeça à teia

Ninguém te dá a idade

Que o teu corpo passeia

 

O teu joelho a aparecer

Por entre as calças rasgadas

Escreve no ar castelos

De outros contos de fadas

 

E se eu…

Quisesse fugir

Já não…

Tinha para onde ir

Meu bem…

Isto não vai acabar bem,

Meu bem, meu bem, meu bem,

Isto não vai acabar…

Meu bem…

 

João Só e Abandonados

 

publicado por Lagash às 16:17
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Brinda a 30 de Novembro de 2009 às 12:24
Isto não vai mesmo acabar bem, acabará belíssimo! Uma escolha bem adequada para o momento de ontem :-))


Acerca do texto 'O mal' posso apenas acrescentar o seguinte ( de facto está tudo explícito após leitura do mesmo ) : O milagre da vida não é propriamente algo que acontece só na altura do nascimento da criança, realizar o milagre, esse, enquanto responsável de educação, consiste em saber deixar crescer a criança e saber ( ler descobrir ) gerir um espaço único de auto-desenvolvimento para ela, zelando pela garantia de que não passamos a desbotar o tal 'milagre'.

Beijo educativo

Comentar post

Declaração

Declaro que a responsabilidade de todos os textos / poesia / prosa publicados é minha no respeitante à transcrição dos mesmos. Faço todos os possíveis para contactar o(s) autor(es) dos trabalhos a fim de autorizarem a publicação, na impossibilidade de o fazer, caso assim o entenda o autor ou representante legal deverá contactar-me a fim de que o mesmo seja retirado - o que será feito assim que receba a informação. Os trabalhos assinados "Mário L. Soares" são de minha autoria e estão protegidos com a lei dos direitos de autor vigente. Quanto às fotografias, todas, cujo autor não esteja identificado, são de "autor desconhecido" - caso surja o respectivo autor de alguma, queira por favor contactar-me para proceder à sua identificação e se for caso disso retirada do blog. Às restantes fotografias aplicarei o mesmo princípio dos trabalhos escritos. Obrigado. Mário L. Soares - lagash.blog@sapo.pt

mais sobre mim

procurar em Lagash

 

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Pausa

Hora Nostálgica #33 - Eve...

Acordar

Amor, pois que é palavra ...

Sol

Perdoa-me

Hora Nostálgica #32 - Boh...

Morte

Futuro

Bebido o luar

A meu favor

Viverei

Hora Nostálgica # 31 - Dr...

Reveses

Momentos etéreos em conte...

arquivos

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

tags

todas as tags

links

Prémios

Users Online
free counters
blogs SAPO

subscrever feeds